Reabilitação Intensiva para Crianças

Atualizado: 12 de abr.

A Reabilitação Intensiva trabalha com diferentes abordagens pediátricas em ambiente que proporcione a integração da criança e adesão ao tratamento.

Criança praticando exercício de reabilitação com auxílio de profissional de fisioterapia.
Com uma abordagem específica para cada caso, a R.I. infantil apresenta resultados positivos.

Assim como trabalhamos com a Reabilitação Intensiva para adultos, a Reabilitação Intensiva para crianças apresenta-se como de suma importância.


A elas também deve ser concedida uma atenção para habilitação decorrente de qualquer lesão adquirida ou doenças com origem de ordem esquelética, muscular, neurológica ou respiratória. A ideia é que essas crianças possam desempenhar suas atividades da vida diária da melhor forma possível, adquirindo seu desempenho físico e independência fundamental.


A Reabilitação Intensiva para crianças é uma estratégia terapêutica da fisioterapia voltada ao tratamento de jovens até os 12 anos de idade, com o objetivo principal do bem-estar do indivíduo. Significa que a criança vai receber os estímulos e a atenção que ela necessita para se desenvolver e para manter sua qualidade e dignidade de vida.


Ela pode ser aplicada desde clínicas de reabilitação até em hospitais, unidades de Terapia Intensiva Neonatal e Pediátrica, enfermaria pediátrica, assistência domiciliar e atendimento em consultório. Essa estratégia terapêutica é também um grande desafio, uma vez que o tratamento pediátrico de fisioterapia passa por constantes atualizações e se desenvolve dia após dia, seja através das técnicas, equipamentos, abordagens ou casos clínicos.

Assim, o conceito vai sempre evoluindo e a equipe precisa estar preparada para acompanhar essa evolução.

Criança realizando exercício de reabilitação fisioterapêutica com auxílio de profissional de fisioterapia.
A dedicação e atenção do profissional são essenciais para entreter a criança e alcançar melhores resultados.

Ainda como parte do desafio, está a atenção a ser dispensada ao paciente. Os profissionais precisam ter a didática para manter a criança interessada e amar o que fazem, pois não é só a parte técnica que importa. Através do atendimento de forma lúdica, os profissionais conseguem desenvolver o máximo do potencial da criança, promovendo mais autonomia nas tarefas diárias e gerando uma maior autoestima.


Normalmente, a Reabilitação Intensiva para crianças tem base em um estímulo diário de tratamento. E embora o nome “intensiva” ou o fato de ser diário possa parecer exaustivo, não é isso que realmente acontece. A Reabilitação Intensiva para Crianças não a sobrecarrega com cargas excessivas de treino. Apenas significa que ela receberá diariamente a atenção e os estímulos de que necessita para seu desenvolvimento e dignidade através do princípio da neuroplasticidade e reorganização cortical e músculo esquelética.

Podemos entender a neuroplasticidade como a capacidade que o cérebro tem para poder sempre se adaptar, permitindo não limitarmos seu potencial para a recuperação, reforçando o aprendizado adquirido.

Criança fazendo exercício de prancha com auxílio de bola e profissional de educação física.
Os exercícios são feitos diariamente, mas respeitando os limites do paciente.

Normalmente, a Reabilitação Intensiva para crianças tem base em um estímulo diário de tratamento. E embora o nome “intensiva” ou o fato de ser diário possa parecer exaustivo, não é isso que realmente acontece. A Reabilitação Intensiva para Crianças não a sobrecarrega


com cargas excessivas de treino. Apenas significa que ela receberá diariamente a atenção e os estímulos de que necessita para seu desenvolvimento e dignidade através do princípio da neuroplasticidade e reorganização cortical e músculo esquelética.

Podemos entender a neuroplasticidade como a capacidade que o cérebro tem para poder sempre se adaptar, permitindo não limitarmos seu potencial para a recuperação, reforçando o aprendizado adquirido.


Alguns casos em que a Reabilitação Intensiva para crianças é indicada são:

  • Distúrbios neurológicos, como paralisia cerebral;

  • Atraso no desenvolvimento;

  • Lesões traumáticas cerebrais;

  • Síndrome de Down;

  • Mielomeningocele.

entre outras condições que vão afetar funções sensório motoras e funções cognitivas da criança.

Tratamento fisioterápico com faixas de contenção muscular em joelho infantil.
A Reabilitação Intensiva infantil pode contar com atividades lúdicas para melhor aproveitamento do tratamento.

O ambiente para atender essas crianças deve proporcionar experiências multissensoriais de audição, olfato, tato e visão, sendo os estímulos adaptados conforme a necessidade de cada um.

Muitas vezes os estímulos podem vir através das próprias brincadeiras. Deve-se levar em consideração que criança gosta de brincar e, para adesão ao tratamento, o momento deve ser também divertido para ela. Se o ambiente é lúdico e prazeroso, trabalhamos com a motivação da criança para fazer o que precisa ser feito junto ao profissional, otimizando o trabalho de ambos. As crianças precisam querer estar ali, precisam se sentir bem e alegre, implicando em maior interação, aprendizagem e resultado.


E é por isso que o local onde a Reabilitação Intensiva será aplicada é de fundamental importância, e a Saúde em Evidência está pronta para atender essa demanda.


Algumas perguntas são frequentes quando falamos sobre a reabilitação intensiva infantil, para respondê-las, chamamos a especialista em Atividade Física Adaptada e Saúde Neuro Funcional, Taciane Lopes:


Crianças podem ou devem fazer Reabilitação Intensiva?

As crianças podem e devem fazer reabilitação intensiva, vai depender do objetivo e o plano traçado pelo profissional.


Qual é o benefício da Reabilitação intensiva para as crianças?


Com os exercícios é possível ativar diferentes áreas do cérebro, aumentando as sinapses nervosas e dando mais possibilidades para aprender e/ou reaprender as funções motoras. Proporcionando o ganho de força muscular, melhorando o equilíbrio, a propriocepção, coordenação motora, percepção corporal; oferecendo melhoras na funcionalidade nas atividades da vida diária.


Como lidar com as crianças durante as sessões de fisioterapia da RI?


R: Tudo depende da idade e do nível cognitivo da criança. Mas em geral, sempre tentamos abordar uma forma mais lúdica, para estimular a criança a realizar os exercícios.


Qual é o segredo do sucesso de vocês para isso estar dando certo?


O amor pela nossa profissão é essencial para o desenvolvimento do nosso trabalho, com muita, dedicação e empenho buscamos sempre oferecer o melhor para todos os clientes. Ter uma equipe multidisciplinar sempre atualizada é nosso diferencial, contamos com planos de tratamento individualizado para cada cliente e suas necessidades.


__________________________________________________________________________________


Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário ou dúvidas para continuarmos falando sobre a reabilitação intensiva infantil e seus benefícios.


#reabilitacaointensiva #fisioterapia #sistemabrainmov #reabilitacao #saude #qualidadedevida #bemestar #saudeemevidencia #sjc #saojosedoscampos #sjcampos



10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo